Empresa que tem sede em Uberlândia, triângulo mineiro, atende clientes em todo o Brasil.

O ‘DevBuild, Uberlândia 2018 – Construindo o Desenvolvimento’ aconteceu no último dia 1º de setembro na ACIUB (Associação Comercial e Industrial de Uberlândia) com o objetivo de fomentar o ecossistema do desenvolvimento de softwares na cidade; o evento reuniu 11 empresas do setor.

Com a realização da Avecom Sistemas, empresa que desenvolve sistemas para avicultura e suinocultura, ao lado de outras instituições locais, o encontro trouxe grandes nomes como Marcelo Giratto da Giratto Sistemas, Éder Balbino da Gaio, Adriano dos Santos da TDevRocks, Wagner Alexandre da própria Avecom, entre outros.

Além de atender produtores em todo o Brasil, a Avecom se preocupa em criar oportunidades de conhecimento e troca de vivências entre líderes de outras empresas, para com isso, nutrir a qualidade de seus serviços perante o mercado,

Wagner Alexandre falando sobre importância do evento

Para Wagner Alexandre da Avecom, a iniciativa vai além do evento em si, mas atinge um desejo de transformar Uberlândia em um polo tecnológico. “Nosso objetivo é também criar uma rede de networking aqui na região para que, aos poucos, possamos criar um polo de tecnologia aqui em Uberlândia. Nós temos toda essa condição se investirmos em relacionamento e nessa troca de informações constante.” afirmou o analista de sistemas.

Foram 5 palestras no decorrer de todo o dia com os temas envolvendo big data, acesso a banco de dados, carreira profissional, plataformas mobile entre outros conteúdos relacionados a ferramentas virtuais e inovação. A Avecom participou amplamente do evento.

Para Marcelo Giratto, consultor web, o mais importante e atrativo do evento foi o networking. “Eu acho que as palestras são importantes, mas o contato mais próximo com as pessoas, o papo pessoalmente mesmo, é o principal do que vamos levar daqui hoje”. Afirmou Giratto.

Outro participante que merece destaque no evento proposto pela Avecom Sistemas é Adriano dos Santos do TDevRocks, um dos maiores portais de cursos online do Brasil, e que sinalizou o ‘Delphi’ como uma ferramenta robusta e fundamental para os desafios vividos pelas empresas do setor hoje. “O Delphi é uma das ferramentas mais ágeis para desenvolvimento de softwares no mercado, fomentamos a economia, aumentamos o número o fluxo de pessoas no mercado de trabalho etc. Falar dessa ferramenta aqui é muito gratificante, em especial nesse cenário que precisamos movimentar a nossa economia.” disse Santos.

Adriano, que está neste mercado há 20 anos, ainda citou que para além do avanço das ferramentas em geral e dos assuntos discutidos no evento, o essencial é que os responsáveis possam usufruir destas tecnologias para TRANSFORMAR VIDAS.

No decorrer do evento, os participantes também deixaram claro que o avanço dos softwares para facilitar o cotidiano dos clientes compõe um ‘quebra cabeça’ muito maior no Brasil, que envolve, inclusive, temas como Inteligência Artificial. Para quem não sabe, em maio do ano passado, foi criada em São Paulo a ABRIA (Associação Brasileira de Inteligência Artificial).

Se você se interessa por este assunto, fique de olho que o próximo tema que abordaremos por aqui será IA.

Você sabia que na década de 60 já se pensava em BD?

O uso de dados para tomada de decisões e em busca de resultados está em alta no Brasil, mas esta estratégia é usada no mundo já faz algum tempo. Vamos olhar para trás e conhecer um pouco mais deste assunto na história?

A IBM (International Business Machines), empresa norte americana, foi uma das primeiras empresas a fomentar o banco de dados, mas ainda no formato onde as buscas dependiam de um conhecimento mais apurado do BD acessado. Só na década de 70 que o matemático britânico Edgar Frank Codd criou o modelo relacional de acesso ao banco de dados, facilitando, com isso, as buscas para aqueles que não conheciam as informações disponíveis em determinado BD.

Além deste modelo que ficou conhecido mundialmente, Codd também lançou em 1985 as chamadas ‘13 regras de Codd’, tidas como orientações preciosas para o gerenciamento de BD até hoje.

Para saber mais sobre a importância do banco de dados acesse nosso texto no qual falamos mais deste assunto no blog da Avecom. (clique aqui)