CONSUMO DE CARNE DE PORCO: MITOS E VERDADES

A carne suína vem perdendo o estigma que recebeu, em especial, nas décadas de 50 e 60. As condições de criação dos suínos juntamente com as novas tecnologias oriundas de pesquisa e desenvolvimento, tem trazido mais representatividade para a carne em questão.

Além disso, nutricionalmente falando, a carne está muito mais saudável. Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) o produto perdeu 10% de colesterol, 14% de calorias e 31% da gordura, e com isso, ganhou mais espaço na mesa do brasileiro que vem se preocupando cada vez mais com hábitos alimentares saudáveis.

Porém, como qualquer outra escolha no que diz respeito a nossa alimentação, é importante estarmos cientes da origem da carne, sua cor, textura etc. O blog da Avecom preparou uma lista com algumas curiosidades e esclarecimentos sobre o que é mito ou verdade em relação a carne suína. Acompanhe:

 

  • A carne suína é muito gordurosa.

MITO! Segundo a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), a porcentagem média de gordura na carcaça dos suínos foi reduzida de 54%, na década de 1980, para atuais 22%. A gordura dos suínos está 70% fora da carne, ou seja, abaixo da pele (toucinho), com isso, apenas 28% da gordura está entre os músculos e 2% está dentro deles, dando o sabor e a maciez. Ou seja, a afirmação que a carne de porco é mais gordurosa do que as demais é uma inverdade.

 

  • A carne suína tem muito colesterol.

MITO! Ainda segundo a ABCS, a carne suína possui uma média de 60 mg de colesterol/100 g de carne (cortes mais magros) a 80 mg de colesterol/100 g de carne (cortes mais gordos). Como o consumo recomendado de colesterol é de até 300 mg/dia (American Heart Association), o consumo de 100 g de carne suína representa somente 20 a 27% do valor diário.

 

  • É perigoso contrair doenças ao comer carne de porco.

MITO! Com alimentação e temperatura controladas, ambientes higienizados, assistência veterinária e criadores mais conscientes durante a produção, a carne de porco não apresenta mais riscos de transmissão de doenças. Este fato está presente no ‘imaginário popular’ de uma parte da sociedade devido a experiências pontuais do passado, onde a produção de carne de porco ainda não contava com a estrutura e informações necessárias para a segurança do produto.

 

  • O Brasil é quarto maior produtor e exportador mundial de carne suína.

VERDADE! O Ministério da Economia, Indústria Comércio Exterior e Serviços informou recentemente que o país exportou em 2018, 550,4 mil toneladas, ante as 592,6 mil de 2017, com uma receita de US$ 1,07 bilhão. O maior comprador foi a China, com 28%, seguida por Hong Kong (20%).

 

  • ‘Suinish’ é uma opção de sushi com carne de porco crua.

VERDADE! O Festival de Gastronomia no estado do Mato Grosso apresentou a versão ‘suína’ da opção japonesa conhecida como sushi. O original traz o peixe cru envolto por alga e arroz, e a opção nomeada de ‘suinish’ oferece a alga e o arroz com carne de porco crua no centro. A receita já compõe o menu de estabelecimentos especializados em carne de porco como, por exemplo, a ‘A Casa do Porco’, restaurante localizado no centro da capital paulista.

 

  • Mineiros são os que mais consomem carne de porco no Brasil.

VERDADE! Segundo a Associação dos Suinocultores do Estado de Minas Gerais (ASEMG), os mineiros são os que mais comem carne de porco se comparado ao restante do país. Isso se deve, entre outros motivos, pela própria culinária mineira que faz uso frequente da carne de porco para compor receitas como o tutu de feijão, por exemplo, além do torresmo como tira gosto, entre outros. Prova deste envolvimento da tradicional cozinha mineira com a carne de porco é a receita chamada de “porco no barro” que apresenta não somente o gosto do mineiro pela carne de porco, bem como as formas de se cozinhar e armazenar os alimentos na região há centenas de anos atrás.

O preparo da receita é lento, já que a carne passa determinado tempo na gordura armazenada dentro de recipientes de barro. Saiba mais em https://www.farturabrasil.com.br/blog/voce-sabia/porco-no-barro-um-resgate-cultural-e-gastronomico-em-tiradentes/

Gostou do tema? Te convidamos a ler outra matéria correlata a este assunto aqui em nosso blog; até o próximo texto.